quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Ana Júlia cumpre agenda de campanha em Paragominas


Foto: David Alves

A candidata reeleição ao governo do estado, Ana Júlia Carepa (PT), chegou ontem em Paragominas, por volta das 18h. Carepa realizou carreatas e um comício para populares do distrito do bairro Nagibão I, II, III e IV, localizado às margens da Rodovia Belém-Brasília (BR-010). Cerca de 800 pessoas participaram em Paragominas, região nordeste do Pará.

Em seguida foi formada uma comitiva com aproximadamente 80 carros e dezenas de motos, para irem rumo à sede urbana daquele município. No bairro Jardim Bela Vista, ela chegou por volta das 20h40 e foi recebida por eleitores. Antes de subir para o trio elétrico fez posse para jornalistas e complementou uma cadeirante que já estava sua espera atrás do trio elétrico.

Nossa reportagem perguntou para Ana Júlia o por que Paragominas foi escolhido para último comício no interior?. “Paragominas é uma cidade muito importante para todo estado, aqui fizemos grandes investimentos e muitas obras, nada mais justo”, disse Carepa.

O comício durou em torno de uma hora, cerca de duas mil pessoas participaram. Estiveram presentes várias comitivas de municípios vizinhos como Ipixuna do Pará, Mãe do Rio, Ulianopólis, Dom Elizeu e colônias de Paragominas.

Bruno Nascimento, de Paragominas.

Caso Viviani Marins: será feito o retrato falado


O técnico de enfermagem Francisco Charles saiu de Paragominas rumo à Delegacia de Santa Maria do Pará. A chegada do enfermeiro naquela unidade policial deve acontecer nesta manhã.
Juntamente com o investigador de Polícia Civil Elivelton Alves, eles devem seguir para o Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves” de Castanhal. Francisco Charles fará exames de corpo delito. O exame será anexado junto ao inquérito policial, presidido pelo delegado Leandro Souza, que investiga o assassinato da médica cirurgiã Viviani Marins. O crime aconteceu no último dia 20, na BR-010 (Belém-Brasília).
Após os exames de corpo delito, os dois seguirão para Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) da Polícia Civil. Francisco Charles fará junto a um papiloscopista o retrato falado do casal de assaltantes. Em seguida retornará a Paragominas, onde continua de atestado médico por quinze dias. O enfermeiro é coordenador de educação e saúde da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Paragominas.
Bruno Nascimento, de Paragominas.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Entra em vigor a portaria da chamada “Lei Seca”


Foto: Bruno Nascimento

A portaria da determinação conhecida popularmente como “Lei Seca” será publicada na edição desta quarta-feira, 29, no Diário Oficial do Estado. 
Trata-se da portaria de nº 286/2010, assinada pelo delegado-geral da Polícia Civil, Raimundo Benassuly, que veda a venda e fornecimento, ainda que gratuito, de bebidas alcoólicas, em todo território do Pará, no próximo dia 3 de outubro, dia das eleições, de meia-noite até 18 horas.
A medida atinge os chamados estabelecimentos comerciais de diversões públicas, como bares, boates, lanchonetes e restaurantes, e ainda os vendedores informais.
A fiscalização do cumprimento da portaria será feita pelos órgãos do Sistema de Segurança do Pará. Quem descumprir a medida será, inicialmente, orientado a parar com a venda. Caso contrário, terá o estabelecimento fechado e será conduzido até uma Seccional Urbana ou Delegacia da Polícia Civil, para responder pelo crime de desobediência. A portaria será encaminhada ao Comando Geral da Polícia Militar para conhecimento.
Fonte: Ascom da Polícia Civil do Pará.

Caminhão despenca de ponte


Com o peso, caminhão teve dificuldades para atravessar a ponte
(Foto: Bruno Nascimento)

Um caminhão carregado de piçarra despencou ao tentar atravessar uma ponte de madeira no município de Paragominas, na manhã desta terça-feira (28). O acidente aconteceu no bairro Promissão I.

No momento da travessia, o lado esquerdo da ponte cedeu e metade do caminhão ficou no rio. O motorista, que não quis se identificar, sofreu alguns arranhões no peito e foi levado por crianças que estavam no local para um bar próximo ao acidente.

Uma viatura de resgate do 1º sub-Grupamento de Bombeiros Militar de Paragominas levou o motorista para o Pronto Socorro Municipal. Ele passa bem. A ponte foi isolada pelo Corpo de Bombeiros, para evitar novos acidentes. Só motociclitas, ciclistas e pedestres podem passar pelo local.

A ponte de acesso ao bairro na rodovia PA-125 está em construção. Os condutores terão que fazer um longo trajeto para chegar na rodovia PA-256 e então seguir para o centro urbano de Paragominas. (Diário do Pará).

terça-feira, 28 de setembro de 2010

“Começar pra Valer” dá primeiros passos rumo ao social

Foto: Bruno Nascimento

Uma força conjunta envolve a 3ª Vara de Execuções Penais de Paragominas, Ordem dos Advogados do Brasil/PA, Susipe, Minedora Vale, Prefeitura de Paragominas, Senai/PA, Ministério Público do Estado e Defensoria Pública, deram os primeiros passos em relação ao programa “Começar pra Valer”.

O programa visa o acompanhamento e capacitação dos detentos do Centro Regional de Recuperação de Paragominas (CRRP), a inserção na sociedade, por meio de educação e capacitação profissional.

Aproximadamente 200 internos receberão acompanhamentos através do sistema Eja – Educação de Jovens e Adultos - “Nossa preocupação não é só sentenciar. Estamos visando dá uma qualidade de vida para os detentos que ficam em regime fechado por um tempo considerável. O interno vai passar por um processo de educação e qualificação”, disse Shérida Paxeico, juiza da 3ª Vara Penal.

Atrás do espaço Semi-Aberto, foi concluído e inaugurado um espaço para funcionamento de uma marcenaria para fabricação de cabos de vassouras. A inauguração contou com presenças de vários representantes da sociedade civil organizada de Paragominas.

Referências.

O CRRP no passado, foi referência para outras casas penais do Brasil. Por boas práticas relacionadas aos trabalhos e estudos dos internos. Em abril de 2009, o CRRP foi cenário de uma rebelião. Com a população carcerária superlotada, o resultado foi o comprometimento da estrutura do prédio.

A OAB/Paragominas, levou ao conhecimento da juiza Shérida Pacheco, a intenção da Mineradora Vale, de contribuição, no sentido de restaurar o prédio que abriga o CRRP.

Além da restauração, surgiu a ideia dos órgãos cooperarem para educação e capacitação profissional aos internos.

O projeto foi empolgador. Ao ponto do Ministério Público do Trabalho, empresas como Traterra, Dalmaso Engenharia e Arquitetura e Linknet Telecomunicações, começaram colaborar e dá suas parcelas de contribuições. A Prefeitura de Paragominas, através da Secretaria de Educação, já tem duas turmas do Eja. Eles mantêm as alimentações na hora do recreio. O interno receberão uniformes e acompanhamentos.

O detento para ser inserido dentro do programa “Começar pra Valer”, deve ter um bom comportamento e mostrar interesse. Assim, a cada três dias trabalhados, será reduzido um em sua sentença.

Bruno Nascimento, de Paragominas.

Esposo de médica assassinada presta depoimento


O técnico em enfermagem Francisco Charles teve alta do Hospital Municipal de Paragominas na última sexta-feira. No mesmo dia, prestou depoimento ao delegado Leandro Lima Souza, de Santa Maria do Pará.

Francisco Charles foi vítima de assalto à mão armada, junto com a esposa, a médica Viviani Marins, e o filho de três anos. A mulher dele morreu após ser atingida por um dos tiros. O enfermeiro conseguiu escapar com vida. O crime aconteceu no último dia 20.

Em seu depoimento, Charles contou que próximo a São Miguel do Guamá, na entrada do ramal da Torre, na BR-010 (Belém-Brasília), avistou uma mulher em pé e uma criança de colo. Mais à frente, havia um homem e uma moto caída no acostamento daquela rodovia. O casal decidiu parar para prestar socorro.

Com o veículo parado, segundo Charles, a mulher jogou a suposta criança e anunciou o assalto. “Não se mexe que é um assalto”, teria dito a assaltante, cuja identidade ainda é desconhecida pela polícia. A médica teria pedido calma e, na tentativa de pegar o filho, que estava no banco traseiro, foi surpreendida com um disparo na altura de sua cabeça. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu minutos depois. O enfermeiro contou que teria corrido para desarmar a mulher assaltante, quando também acabou atingido no lado direito do peito.

Charles lembra de uma discussão dos assaltantes. O homem teria falado à mulher, autora dos disparos: “O que tu fez? Tu matou o pessoal, bora embora”.

Segundo o técnico de enfermagem, após ser ferido com um tiro, ele ficou atordoado, e com a vista embaçada por volta de um minuto. Após a fuga dos assaltantes, Francisco Charles contou que ficou desesperado ao ver a mulher com o corpo tombado para o lado esquerdo do carro. Ele começou a pedir ajuda a carros que passavam pela rodovia, mas ninguém parou. O enfermeiro disse ter voltado ao veículo, e conseguiu dirigir até uma casa às margens daquela rodovia. Pegou o filho pelos braços e começou a pedir socorro várias vezes.

Populares chegaram e Francisco Charles entregou o filho para uma senhora que o socorreu. Em um carro particular, ele foi encaminhado para o Pronto-Socorro de Santa Maria do Pará, depois para PSM de Castanhal e, finalmente, foi levado para o Hospital Metropolitano em Ananindeua, onde foi submetido a cirurgias.

Francisco Charles brevemente fará o retrato falado dos acusados. O enfermeiro permanece em sua residência em Paragominas, descansando e se recuperando. (Diário do Pará)

O caso

No último dia 20 a médica Viviani Marins, o marido Francisco Charles e o filho do casal, de três anos, seguiam de Belém para Paragominas, quando foram supreendidos por assaltantes na BR-010 (Belém-Brasília). Um casal fingia pedir socorro na beira da estrada. A mulher estava com um boneco, que aparentava ser um bebê. Quando pararam o carro para ajudar era um assalto.

PMs são esfaqueados em festa de aparelhagens

Dois Policiais Militares à paisana foram esfaqueados durante uma festa de aparelhagens realizada na última sexta-feira, em Paragominas, região nordeste do Pará.



Tudo aconteceu no final da festa, por volta das 3h da madrugada. Patrícia dos Santos Silva, 18 anos, discutiu com esposa do soldado Justino, lotado no 19º BPM. Patrícia não ficou nada contente com bate-boca, e esfaqueou a esposa do militar. Ela sofreu pequenos cortes em seu rosto.

O PM Justino, juntamente com soldado Cleiton, acompanhante do casal, decidiram tomar satisfações. A agressora desferiu um golpe contra o soldado Cleiton. Em meio a confusão, Ronaldo Oliveira Macêdo, o “Chachorrão”, atingiu por trás do soldado Justino com três golpes de faca.

Os dois policiais militares foram encaminhados para o Pronto-Socorro Municipal, foram submetidos a cirurgias e passam bem.

“Cachorrão” foi pego em seguida por policiais do 19º BPM de Paragominas em rondas ostensivas. Ele nega autoria das facadas.

No domingo, às 12h, Patrícia, compareceu à sede da 13ª Seccional, ela foi verificar junto ao delegado plantonista o que estaria acontecendo. Policiais estiveram em sua residência. Com informações que a seccional já tinha a seu respeito, recebeu voz de prisão em flagrante ali mesmo, na sala do escrivão, e confessou autoria nos esfaqueamentos.

Os acusados foram autuados em flagrante por tentativa de homicídio pelo delegado Carlos Magalhães Gomes, diretor em exercício da 13ª Seccional. Eles já tem passagens pela Polícia Civil daquele município.

Este é o sétimo atentado criminoso contra PM na região de Paragominas.

São duas execuções, dois baleamentos e três esfaqueamentos. Em 27 de abril, o cabo Altevi e o soldado Leonardo, foram baleados por criminosos que pretendiam fazer assalto em agências bancárias em Ipixuna do Pará.

No dia 13 de julho, na zona rural de Ulianopólis, o cabo reserva Geneton, foi executado com tiros à queima-roupa. Até hoje, os assassinos não foram presos. Em 18 de julho, o soldado Samuel Marques, recebeu um golpe de faca em seu braço direito, de um rapaz suspeito, ele não pretendia não ser preso. O soldado revidou atirando na perna do acusado.

Em 26 de julho, o soldado Raelson Ferreira, 24 anos, foi executado com cinco tiros à queima-roupa, durante uma festa de aparelhagens. Um dos assassinos está preso. Outro continua foragido. (Diário do Pará)

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Tiririca vem com tudo! Haja coração...


As pesquisas de opinião pública colocam o comediante Tiririca, candidato a deputado federal pelo estado de São Paulo, em primeiro lugar na disputa por uma vaga na Câmara. Na campanha, o candidato conta com mais de 30 cabos eleitorais fantasiados, um micro-ônibus, vans e um carro de som estão a sua disposição. Uma campanha rica que, graças ao quociente eleitoral, pode beneficiar outros políticos de seu partido.

A uma semana das eleições, porém, surge uma suspeita que, pela mesma lei, põe em risco a candidatura do palhaço: Tiririca sabe ler e escrever?

Central de transplantes da Sespa convoca pacientes para recadastramento


Em função da sensibilização popular em torno do Dia Nacional da Doação de Órgãos, comemorado em 27 de setembro, a Central de Transplantes da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) esclarece que os pacientes que estão na fila de espera de transplante no Pará devem atualizar os seus dados.

A medida atende a uma recomendação do Ministério de Saúde, que iniciou o processo de mudança do sistema de informação responsável pela lista de espera por doador de órgão para transplante.

Os pacientes devem procurar os centros de saúde, clínicas e hospitais que os cadastraram na lista de espera do Sistema Nacional de Transplante para informar endereço, telefone e checar se há necessidade de novos exames. É preciso comparecer com a cópia do comprovante de residência e o CPF.

Com o falecimento do médico oftalmologista Dr. Luiz Gonzaga Nogueira, credenciado como transplantador junto ao SNT, os pacientes que aguardavam por um transplante de córnea em sua Clínica, devem comparecer à Central, das 8h às 10h ou 14h30 às 16h30, para que sejam, imediatamente, encaminhados para outro serviço transplantador.

Os pacientes que não forem recadastrados até 30 de novembro de 2010, perderão automaticamente sua vaga na Lista de Espera, em função do novo Sistema adotado pelo Ministério da Saúde, em cumprimento à Portaria 2.600, de 21 de outubro de 2009, que aprova o novo Regulamento Técnico do SNT.

De acordo com o coordenador da Central de Transplantes da Sespa, Paulo Cartágenes, a nova ferramenta aumentará o controle social sobre os transplantes e dará mais credibilidade ao sistema. “As mudanças ampliarão, ainda, o número de doadores e o aproveitamento dos órgãos doados”, explica.

Pelas novas regras do novo regulamento, crianças e adolescentes terão preferência na hora de receber órgãos de doadores da mesma faixa etária. No caso específico dos rins, menores de 18 anos poderão ingressar na lista de transplantes antes mesmo de entrar na fase terminal da doença renal ou de ter indicação para diálise.

Por meio do recadastramento, será possível colocar em prática mecanismos de controle antes previstos, como a exigência de que os pacientes mantenham suas fichas atualizadas na lista de transplantes, mostrando que estão em condições de receber o órgão ou tecido. 

Um novo sistema informatizado permitirá que os pacientes consultem sua posição na lista de espera pela internet.

No Pará, 938 pacientes esperam uma nova córnea; quatro aguardam pela cirurgia de coração e 777 precisam do transplante de rim. De 1994 até 30 de agosto de 2010 foram doados 1.109 órgãos, dos quais 72 só este ano. Ainda nesse mesmo período foram realizados 1.069 transplantes de córnea; 326 de rim; 21 de coração; 112 odontológicos e um de pele.

Só em 2010 já foram realizados 86 transplantes de córnea, seguidos por 26 odontológicos e 23 de rim. De 1994 a agosto de 2010, o Pará disponibilizou para a Central Nacional de Transplantes 10 córneas, 12 rins, 27 corações para beneficiamento de valvas cardíacas, 39 fígados e 6 pâncreas.
         
Serviço: A Central de Transplantes ou Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos (CNCDO) funciona no Nível Central da Sespa (Rua Presidente Pernambuco nº 489 entre Conselheiro Furtado e Gentil Bittencourt). Telefones: (91) 4006-4284/8115-2941. 

Regularização fundiária é discutida em Paragominas

No último dia 20 de setembro, a Prefeitura Municipal de Paragominas, em parceria com a Federação das Indústrias do Pará (Fiepa) e Ordem dos Advogados do Brasil Seção Pará (OAB-PA), promoveu o seminário “O Produtor Rural e a Questão Fundiária no Pará”.


O objetivo central do seminário é discutir a recente decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de cancelar cerca de cinco mil títulos fundiários no Estado, sob a justificativa de evitar a grilagem de terras na região. Os títulos já haviam sido bloqueados em 2006 e, agora, foram anulados definitivamente pela Justiça. A decisão se ancorou em um estudo do Ministério do Desenvolvimento Agrário, segundo o qual a área grilada no Brasil ultrapassa os 100 milhões de hectares e, deste total, 30 milhões se localizam no Pará.

Mas, segundo o presidente do Conselho Temático de Meio Ambiente da Fiepa, Justiniano Netto, a situação é grave, pois pode causar profundas consequências econômicas, como vencimento antecipado de contratos, cancelamentos de planos de manejo e reflorestamento, quebra de contratos entre particulares, além da ameaça de invasão das áreas que tiverem suas titulações canceladas. “Por isso, o assunto precisa ser debatido e analisado criteriosamente pelos proprietários rurais, advogados e demais especialistas”, sugere Netto.

Programação - O bloqueio dos títulos foi debatido em uma mesa redonda formada pelo titular do Cartório de Imóveis de Paragominas, Paulo Tocantins, por Justiniano Netto, e pelo conselheiro da OAB-PA e membro da Comissão de Combate à Grilagem, Rafael Sampaio Vale.   

O tema continuará a ser abordado na palestra “A decisão do CNJ de cancelamento de registros imobiliários no Estado do Pará e suas implicações jurídicas”, com o advogado Lucas Abreu Barroso, mestre em Direito Agrário e reconhecido como um dos maiores especialistas no assunto do país.

A programação do seminário prosseguirá com uma apresentação sobre a atual situação dos projetos de regularização fundiária no Pará, proferida pelo coordenador geral do Pará Rural, Igor Galvão. O programa, vinculado à Secretaria de Estado de Projetos Estratégicos, segundo explica Galvão, visa fortalecer a gestão territorial do Estado, através do uso sustentável dos recursos naturais.

Modelo – Os avanços que Paragominas conquistou na área ambiental nos últimos anos também serão destaques durante o evento. Sobretudo, os produtores conhecerão o trabalho de cadastramento das propriedades rurais, que a Prefeitura vem executando no município. Até agora, quase 90% das áreas de médio e grande porte já possuem Cadastro Ambiental Rural (CAR) e o objetivo é completar o trabalho até o final do ano.

Dupla é capturada com 2,4 kg de maconha

Foto: Bruno Nascimento
Dois homens foram presos em flagrante pela Polícia Rodoviária Estadual com uma sacola cheia de maconha na PA-125, em Paragominas. Jorge Luiz Ferreira Monteiro e Edilson Brito Vera, que estavam em uma bicicleta, ainda tentaram se desfazer da droga. Eles jogaram a sacola no meio da via, quando avistaram os cabos Assunção, Brasil e Jaime, da Polícia Militar. A dupla foi revistada, assim como a sacola, na qual estava a droga.



A apreensão aconteceu na PA-125, estrada que dá acesso ao aeroporto municipal de Paragominas, às 22h40 da última quinta-feira. A Polícia Rodoviária Estadual sempre faz rondas naquele local.

Segundo a polícia, os traficantes teriam conseguido o entorpecente na localidade do rio Gurupi. O peso da droga somou 2,4 quilos. Eles foram encaminhados para a 13ª Seccional de Paragominas onde foram autuados em flagrante por tráfico de drogas pelo delegado Carlos Magalhães Gomes. Se forem condenados, poderão pegar até 15 anos de prisão. (Diário do Pará)

Adolescente é preso por estupro em Paragominas

Um adolescente de 16 anos está sendo acusado de violência sexual contra uma criança de seis anos. O crime teria acontecido na última quinta-feira, em Paragominas, no nordeste do Pará. A mãe da vítima, que pediu para não ser identificada, contou que estava trabalhando na hora do fato. Segundo ela, o adolescente teria conduzido seu filho para outra casa da vizinhança, onde não havia ninguém. No local, teria introduzido um ferro no ânus da criança. O ato cruel foi contado pela própria vítima minutos depois do ocorrido. O adolescente confessou ter introduzido o dedo na criança.



“Não foi só o dedo ou um ferro que ele penetrou no meu filho, porque sangra muito. Meu filho não consegue nem falar, está traumatizado”, concluiu a mãe. A família da vítima registrou a ocorrência na 13ª Seccional da Polícia Civil de Paragominas. O delegado Carlos Magalhães Gomes abriu um inquérito para apurar o caso. (Diário do Pará)

Médica é lembrada em missa de 7º dia

Médica é lembrada em missa de 7º dia (Foto: Reprodução)

Ontem, às 9h, familiares e amigos da médica-cirurgiã Viviani Marins, realizaram em Paragominas, região nordeste do Pará, a missa de sétimo dia da morte dela. Vários profissionais da área da saúde do município estiveram na igreja matriz da cidade. Aproximadamente 400 pessoas estiveram presentes.



Os pais da médica, um casal de aposentados que veio do Rio de Janeiro, continuam no Pará. Eles acompanham o andamento das investigações que tentam chegar aos assassinos da médica. O sentimento de tristeza contagiou o local. O marido de Viviani, enfermeiro Francisco Charles, teve alta no último sábado do Hospital Municipal de Paragominas, quando ele foi ouvido pelo delegado Leandro Souza, da delegacia de Santa Maria do Pará.

No último dia 20, a médica Viviani Marins, o marido Francisco Charles e filho do casal, de três anos, seguiam de Belém para Paragominas. Mas já no município de Santa Maria do Pará, perto da cidade vizinha de São Miguel do Guamá, na BR-010 (Belém-Brasília), eles notaram que havia um homem e uma mulher na beira da estrada, pedindo socorro. A mulher estava com um boneco, que aparentava ser um bebê. Ao pararem o carro para ajudar foram surpreendidos com o assalto.

A mulher que estava armada foi quem teria disparado contra a médica e o enfermeiro. Viviani morreu praticamente na hora. Francisco sobreviveu e ainda tentou dirigir até uma agrovila às margens da BR-316. Mas perdeu a consciência e saiu da pista. Após recobrar os sentidos, ele caminhou até uma casa e entregou a criança para um casal de idosos que os socorreram. A investigação da polícia segue tratando o caso como uma tentativa de roubo seguida de morte. Mas, como o crime não teve testemunhas, um exame de pólvora combusta foi solicitado para confirmar a versão do marido da médica que ainda não figura como suspeito, mas segundo o delegado do caso informou ao DIÁRIO, todas as possibilidades devem ser investigadas. (Diário do Pará)

Filho de prefeita é executado em São Miguel do Guamá


A polícia de São Miguel do Guamá ainda não tem pistas dos autores do assassinato de Moacir de Souza Rocha Neto, mais conhecido como “Neto”, 28 anos, filho da empresária Márcia Cavalcanti, que nos próximos dias deverá assumir a prefeitura do município.
A execução aconteceu por volta das 22h da última sexta-feira (24), na rua João Teixeira, no bairro Vila França. Neto foi atingido por mais de seis tiros, quando estava na garupa de uma motocicleta. O assassino também estava em uma motocicleta.
Na noite do crime a mãe da vítima e partidários comemoravam a decisão da Justiça que cassou o prefeito de São Miguel, Nenê Lopes, por crime eleitoral. Mas, os parentes descartam que o crime possa ter motivação política.
Foi descartada a hipótese de Neto ter sido vítima de um assalto, pois os R$ 4 mil que ele tinha no bolso da calça não foram levados. O sepultamento da vítima, ontem (25), ocorreu sob clima de revolta e tensão. Policiais da Rotam e Força Tática de Paragominas estão sendo mantidos na cidade.
Divânia Batista, de Castanhal.

domingo, 26 de setembro de 2010

Mega Sena acumula e vai pagar R$ 61 milhões

Foi divulgado o resultado do sorteio da Loteria Caixa Mega Sena, neste sábado (25), pelo caminhão da sorte em Videira, Santa Catarina. O prêmio estava estimado em R$ 53 milhões, acumulou em R$ 61 milhões. Os apostadores poderão fazer suas apostas para o sorteio da próxima quarta-feira (29)



A Quina teve 266 ganhadores e cada um recebe R$ 15.239,05. Um total de 16184 acertaram a quadra e ganham R$ 357,81 cada.

Confira os números da Mega Sena 1217 deste sábado (25/09): 05  - 11  - 15

Novembro é o mês dos círios no Estado do Pará


Foto: Bruno Nascimento
O mais conhecido Círio do Pará é o que homenageia a Virgem de Nazaré, em Belém. Mas, não é apenas a capital paraense que celebra o momento maior de devoção à sua padroeira. No interior do Estado, antes ou depois do mês de outubro, diversos municípios exaltam os santos que consideram como o protetores das cidades.

No município de Vigia, por exemplo, localizado a 93 quilômetros de Belém, ocorreu no segundo domingo de setembro aquele que é considerado o Círio mais antigo em homenagem à Nossa Senhora de Nazaré. No século XVIII, o fidalgo lusitano Dom Jorge Gomes D‘Alemó teria trazido uma cópia da imagem portuguesa para a Vigia. De acordo com relatos históricos, ele trouxe a imagem da Santa em 1616, sendo que ela se deteriorou com o tempo e foi levada para restauração. Eis que então teria ocorrido um ataque indígena às pessoas que a levaram e ela se perdeu. Tempos depois, Plácido (a crônica nazarena registra que ele seria vigiense) a encontrou e começou, em Belém, a devoção, por volta de 1700, copiando o estilo do mais antigo Círio, o da Vigia.

Este ano, o povo vigiense comemorou sua 313ª edição do círio. Durante a procissão, a imagem da santa foi levada da igreja de São Sebastião em direção à igreja Matriz, no centro histórico da cidade. Os fiéis percorreram quatro quilômetros de romaria.

Traficantes são presos com mais de 2 kg de maconha na PA-125


Uma guarnição da Polícia Rodoviária Estadual que fazia rondas na PA-125 abordou e prendeu dois traficantes que transitavam de bicicleta pela rodovia. Com eles foi apreendida maconha.
O fato aconteceu em Paragominas, nordeste do Pará. As 22h40, de quinta-feira (23), na PA-125, estrada que dá acesso ao aeroporto municipal da cidade, uma guarnição da Polícia Rodoviária Estadual composta pelos cabos Assunção, Brasil e Jaime, realizava rondas no local. No momento dois homens avistaram a viatura e jogaram uma sacola as margens da rodovia.
Os policiais revistaram os suspeitos e o conteúdo da sacola, onde encontraram 2 quilos e 400 gramas de maconha. Jorge Luiz Ferreira Monteiro e Edilson Brito Vera, não disseram o destino da maconha, mas, estavam a caminho de Paragominas. Segundo a polícia, eles teriam conseguido o entorpecente na localidade do Rio Gurupi.
Eles foram encaminhados para a 13ª Seccional, onde o delegado Carlos Magalhães Gomes os autuou em flagrante por tráfico de drogas. Se forem condenados, poderão pegar até 15 anos de prisão.
Bruno Nascimento, de Paragominas.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

TV DO BLOG DO BRUNO NASCIMENTO

ASSISTA OS FATOS RELEVANTES DO PARÁ, PARAÍBA E SÃO PAULO.

Polícia ainda não tem pistas dos assassinos da médica


Em nota a Assessoria de Comunicação da Polícia Civil do Pará disse que o delegado Leandro Souza, da Delegacia de Santa Maria do Pará, onde tramita o inquérito do caso, informou ter ouvido, na manhã de ontem (22), um casal de idosos que prestou socorro ao marido da vítima na rodovia.
As testemunhas não viram os supostos assaltantes, nem o momento em que os dois teriam fugido do local do crime em uma motocicleta, logo após os disparos que ceifaram a vida da médica e que feriram o enfermeiro.
Os suspeitos teriam seguido em direção a São Miguel do Guamá, o que aumenta a suspeita de que sejam dessa região. O delegado salientou que a equipe da Delegacia continua diligenciando com o objetivo de tentar localizar outras testemunhas que presenciaram o crime, bem como, tentar desvendar o paradeiro dos criminosos. No momento, não há novos depoimentos agendados, mas, outras audiências poderão acontecer no decorrer das investigações.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Tristeza na despedida da médica Viviani Marins








Centenas de profissionais da área da saúde de Paragominas, além de amigos e parentes vindos do Rio de Janeiro e do Amapá prestaram as últimas homenagens à médica Viviani Marins.
Viviani Marins dos Santos, 38 anos, médica formada pela Universidade de Medicina de Teresópolis no Estado do Rio de Janeiro, veio fazer residência no Pará, onde ficou cerca de dois anos no Hospital Ophir Loiola, na capital paraense. Em 2003, como cirurgiã geral, mudou-se para Paragominas, onde prestava serviços na rede de saúde pública e particular, além de outros municípios vizinhos da Belém-Brasília.
Durante o velório que ocorreu no salão do Lions Clube de Paragominas o marido de Viviani, enfermeiro Francisco Charles, 34 anos, foi levado ao velório numa UTI móvel do Hospital Metropolitano de Ananindeua. Ele chegou bastante emocionado. Com ajuda de enfermeiros e médicos ele foi conduzido até o caixão onde se debruçou.
Ele ainda abraçou os pais de Viviani, os aposentados Ercília Marins dos Santos  e Dirênio dos Santos, que vieram do estado do Rio de Janeiro, além de alguns familiares da médica residentes no Amapá. O enfermeiro quase desmaiou e foi socorrido por amigos e enfermeiros e encaminhado para o Pronto Socorro Municipal de Paragominas. Ele não pode acompanhar o enterro da esposa.
A 13h30 o caixão foi fechado e foi realizada a missa de corpo presente. Em seguida o cortejo seguiu até o Cemitério São Francisco de Assis, no bairro Jardim Atlântico. Durante o trajeto foi feita uma parada em frente ao PSM onde os funcionários do PSM que estavam de plantão prestaram suas homenagens. O pano preto na fachada do Hospital Municipal sinalizava o luto. O prefeito municipal e vários secretários fizeram um minuto de silêncio. A pausa veio seguida de aplausos pelos relevantes serviços prestados apela médica à população.
“A decisão de enterrar minha filha aqui foi pelo fato de ela ter constituído família em Paragominas, amigos, o filho, até pelo próprio marido”, disse o pai de Viviani. Ele conta ainda que o filho do casal está muito abalado “Estava no carro com meu neto, ele começou a gritar: socorro, socorro. Outra hora ele chama a mãe”, disse o pai da vítima.
Nossa reportagem conversou com o pai da médica, que teve contato com o enfermeiro que acabou baleado durante o assalto. Ele disse que Charles teria relatado que os dois estavam a caminho de Paragominas, no município de Santa Maria do Pará. Um casal estava com uma espécie de boneco, uma moto caída no chão pedindo socorro. “Minha filha tinha instinto de médica, pediu pro Charles parar, ela abaixou o vidro e foi anunciado o assalto”.
O filho de Viviani de apenas 2 anos, começou a se desesperar. Ela pediu para que levassem tudo, quando ela virou na tentativa de acalmar o filho, foi feito um disparo de revólver calibre 22, na altura de sua nuca. A bala ficou alojada em sua cabeça. Charles desceu do carro e começou a abraçar a médica que estava no banco direito do carro, e foi atingido em seu tórax. Mesmo machucado, ele conseguiu dirigir até um vilarejo às margens da Rodovia Belém-Brasília (BR-010).
“Só peço que a Polícia Civil, próprio Governo do Estado, façam uma força conjunta para investigar e chegar aos verdadeiros culpados e pegar quem fez isso com a Viviani”, pediu o pai da vítima às autoridades paraenses.
Bruno Nascimento, de Paragominas.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

“Orelha” vai para o xadrez em Paragominas


Adicionar legenda
"Momentos de terror”, foi assim Francidalva de Lemos Souza, definiu os poucos minutos que passou como refém de Emerson Barnal Pereira, 22 anos, o “Orelha”. O fato aconteceu em Paragominas.
Além de Francidalva, mais duas pessoas foram assaltadas na última segunda-feira (20), por “Orelha”. Sempre que cometia os assaltos ele usava uma faca para render as vítimas e levar os pertences que lhe interessava.
O primeiro assalto foi na rua Paulo VI, no bairro Cidade Nova. O criminoso levou uma bicicleta. Populares ligaram para o Ciop (190) e passaram as características do assaltante. A Polícia Militar fez rondas na localidade, mas, não conseguiu prendê-lo.
Horas depois, o criminoso assaltou a segunda vítima. Desta vez, levou um aparelho celular. Segundo testemunhas ele teria ido até a casa de seu pai no bairro Cidade Nova, onde tentou executá-lo por motivo banal, com a mesma faca que realizou os dois assaltos.
Por volta das 21h de segunda-feira, ele entrou na casa de Francidalva, na rua Rondonópolis. O assaltante rendeu a vítima com uma faca. Ela estava com uma criança de colo. Depois levou sua bicicleta. “Momentos de terror, só Deus pra me livrar mesmo. Levei um susto, ele chegou com uma faca, me levou pra dentro de casa e levou minha bicicleta”, disse Francidalva.
Então as viaturas 2210 e 2208, comandadas pelo cabo Alencar, juntamente com os soldados Pimentel, Heverton, Adrino e J. Thiago, da 13ª Zpol, fizeram um cerco e conseguiram capturar “Orelha” por volta das 22h. Com ele foram encontrados alguns objetos roubados como o aparelho celular e a bicicleta. Ele foi conduzido para 13ª Seccional onde foi reconhecido pelas vítimas e autuado.
O acusado afirmou que havia saído do Centro Regional de Recuperação de Castanhal (CRRC) há dois meses. “Apenas queria conseguir o dinheiro da passagem de volta para Castanhal. Por isso que cometi os assaltos”, disse o assaltante.
Bruno Nascimento, de Paragominas.

Belém sedia encontro de jovens vivendo com HIV/Aids


Até o dia 23 de setembro, adolescentes e jovens que estejam vivendo e convivendo com HIV e Aids no Pará poderão se inscrever num Circuito de Oficinas voltado para o desenvolvimento de ações e promoção da saúde sexual e saúde reprodutiva por meio do debate da população juvenil.

O evento, que acontece nos dias 24, 25 e 26 deste mês no hotel Zoghbi, em Belém, faz parte do Plano de Enfrentamento da Epidemia da AIDS e outras DST na População de Gays, Travestis e Outros HSH do Estado do Pará. Os interessados poderão conferir as normas para as inscrições pelo blog/site: www.circuitodeoficinascomjovens.blogspot.com

Alguns critérios de prioridade serão adotados para a seleção dos adolescentes e jovens, tais como ser gay ou HSM (homem que faz sexo com homem); viver com HIV/Aids e ter entre 15 e 29 anos.

Contudo, as alternativas não excluem a possibilidade de jovens heterossexuais soropositivos participarem, caso haja desistência do total de 30 vagas disponíveis. Todos os participantes selecionados ficarão hospedados no hotel Zoghbi e terão alimentação custeada pelo evento.

Atuarão como instrutores das oficinas Ailson Miguel Logrado, Eduardo da Silva Soares e Hugo Xavier Soares, da Rede Nacional de Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV/Aids (RNAJVHA) e Jocélio de Sousa Ferreira, do Grupo Tribus - Saúde, Educação, Comunicação e Sexualidade, de Altamira.

Mais informações com Eduardo Soares - (91) 8241-8674; Gleyson Oliveira - (91) 8234-5374 e Hugo Soares - (91) 8208-3488. O hotel Zoghbi, em Belém, fica na travessa Ferreira Cantão, 100, um quarteirão atrás do Banco da Amazônia (Basa), agência Presidente Vargas.

Acidente entre carretas faz uma vítima na BR-010


Foto: Divânia Batista

O fato aconteceu na madrugada de terça-feira (21), por volta das 04h10. Uma carreta baú carregada com 24 toneladas de peças para motocicletas, bateu na trazeira de uma carreta bitrem carregada com 45 mil litros de etanol, a cabine da carreta de peças acabou destruída com a colisão. Houve uma explosão e o
motorista que estava na cabine morreu.

O fato aconteceu entre os municípios de Mãe do Rio e São Miguel do Guamá, na Rodovia Belém-Brasília (BR-010), região nordeste do Pará. Os dois motoristas saíram da cidade de Mãe do Rio, rumo ao município de São Miguel do Guamá. Próximo à entrada de Irituia, a carreta baú de Guarulhos/SP, carregada de peças para amortecedores de motocicletas, que vinha em velocidade avançada, não conseguiu frear e acabou colidindo na trazeira da carreta bitrem que transportava etanol.

O motorista da carreta de peças, Fabiano de Moura, 23 anos, morreu carbonizado. O outro motorista saiu a tempo da cabine e sem ferimentos. O combustível espalhou pela pista e incendiou os dois lados da rodovia. Motoristas que faziam o trajeto Belém/Paragominas enfrentaram um congestionamento que ultrapassou mais de dez quilômetros.

Médica é assassinada em tentativa de assalto na BR


Viviane Marins e seu marido foram baleados na
Belém-Brasília (Foto: Reprodução/Orkut)
A brutalidade do assassinato chocou colegas de trabalho do casal. “Quando nós não paramos para socorrer alguém, somos taxados de omissos. Nós sabemos que parar na estrada é muito perigoso, mas ela teve coragem, pesou muito o lado humano”, lamentava o médico Ricardo Jorge, que buscava informações sobre o estado de saúde do amigo Francisco Charles no Hospital Metropolitano.

O corpo de Viviane Martins foi encaminhado ainda ontem para o município de Paragominas, onde familiares vindo do Rio de Janeiro e Roraima já estão para acompanhar o velório. Viviane prestava atendimento médico à população de Paragominas desde 2003. A médica era muito admirada pelos sucessos de suas cirurgias e pelo carisma com os pacientes que atendia no Hospital Municipal e nas clínicas particulares da cidade. (Diário do Pará)

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Médica morre em tentativa de assalto na BR-010



Um tiro no pescoço decretou o fim da carreira promissora de uma médica cirugiã. A doutora Viviane Martins, 38 anos, morreu ao ter sido baleada por bandidos que tentaram roubar o carro em que ela viajava ao lado do marido, o enfermeiro Francisco Charles dos Santos, 34 anos, que também foi baleado, e do filho do casal, de apenas três anos, que saiu ileso do atentado. O crime ocorreu por volta de 20h desta segunda-feira (20), no Km 340 da BR-010, na divisa entre os municípios de Santa Maria do Pará e São Miguel do Guamá, no nordeste do Estado.

Baleado no peito, o enfermeiro Francisco Charles ainda dirigiu por alguns metros até perder o controle do carro, que saiu da estrada. Francisco retirou o filho do carro e caminhou até uma casa localizada no acostamento da rodovia, onde pediu socorro aos moradores. O enfermeiro foi trazido de ambulância ao Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência, em Ananindeua. Segundo familiares, ele está consciente e não corre risco de morte.

O ASSALTO

Francisco e Viviane haviam passado o dia de segunda-feira em Belém, cumprindo compromissos particulares, e retornavam à noite a Paragominas, onde integram o quadro de funcionários da rede pública de saúde. No acostamento do Km 340 da BR-010, próximo ao “ramal da Embratel”, um homem e uma mulher, sentados em uma motocicleta, fingiam segurar um bebê e fizeram sinal para que Francisco Charles parasse. Tratava-se de um casal de assaltantes, que utilizava um boneco para sensibilizar suas possíveis vítimas.

O triste relato foi feito durante a madrugada, na portaria do Hospital Metropolitano, pelo serralheiro Éden Fábio Santos Reis, 30. “Acho que quando ele (Francisco) percebeu que era um assalto, ele acelerou o carro, foi quando houve os tiros”, disse o irmão da vítima.

A cirurgiã geral Viviane Martins, casada com o enfermeiro Francisco Charles há cinco anos, era natural do Rio de Janeiro. O corpo da médica foi encaminhado ao Centro de Perícias Científicas “Renato Chaves” de Castanhal.

A brutalidade do assassinato chocou colegas de trabalho do casal. “Quando nós não paramos para socorrer alguém, somos taxados de omissos. Nós sabemos que parar na estrada é muito perigoso, mas ela teve coragem, pesou muito o lado humano”, lamentava o médico Ricardo Jorge, que buscava informações sobre o estado de saúde do amigo Francisco Charles no Hospital Metropolitano. (Diário do Pará)

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Feira em Dom Eliseu movimentará R$ 15 milhões


A 8ª Cavalgada da Amizade de Dom Eliseu, realizada no último sábado (18), abriu oficialmente a 7ª Exposição Agropecuária do município, com um dos maiores encontros da diversidade que compõe a população deste canto do sudeste do Pará. Segundo José Antônio Feitosa Coutinho, um dos coordenadores do evento, participaram cerca de 1,5 mil cavaleiros de Marabá, Paragominas e Ulianópolis, além de representantes do Maranhão, Goiás e Tocantins.

Um público considerável atendeu ao convite do Sindicato dos Produtores Rurais de Dom Eliseu - responsável pelo evento, em conjunto com a Prefeitura de Dom Eliseu e a Cia. Ítalo Todde -, saindo nas calçadas para apreciar os cavaleiros e amazonas que percorreram as principais ruas de Dom Eliseu. Peões, comerciantes, empresários, crianças, jovens, adolescentes e senhoras participaram da cavalgada, que também agregou camionetes e as carroças que, devidamente enfeitadas, foram um show à parte.

A expectativa da organização é reunir um público superior a 70 mil visitantes nas nove noites da Expoade, que acontece até o próximo domingo (26), em um novo parque, investimento conjunto da prefeitura e do sindicato rural. A Feira conta com exposição de animais, máquinas e implementos agrícolas, utilitá-

rios, agentes financiadores dos produtores, cursos, palestras e uma vasta programação cultural e deve gerar um volume de negócios acima de R$ 15 milhões. O sistema Faepa/Senar promoverá curso de inclusão digital para produtores e seus familiares.

A Vale Florestar S.A., que atua no setor de promoção em reflorestamento de áreas degradadas, estará com um estande oferecendo oportunidades de negócios a produtores rurais da região interessados em fechar parceria com a empresa. A meta da Vale Florestar S.A. é proteger e regenerar aproximadamente 300 mil hectares de florestas nativas, em reserva legal e áreas de preservação permanente, e plantar 150 mil hectares de florestas industriais.

Na abertura oficial, o prefeito Joaquim Nogueira assegurou que está engajado no desenvolvimento da agropecuária do município e destacou que a Expoade é resultado do trabalho em parceria, envolvendo colaboradores públicos e privados. “Esperamos que essa edição seja um sucesso de interação e bons negócios”, completou o prefeito. (Diário do Pará)

Preso bando que roubou os Correios em São Miguel


Uma moto encontrada em um matagal, no município de Irituia ajudou os policiais civis na localização de parte da quadrilha que assaltou a agência dos correios em São Miguel do Guamá, no dia 24 de maio deste ano.  A partir da localização do veículo, a polícia chegou ao dono, que afirmou ter emprestado a moto para seu funcionário, que é pedreiro e que na verdade era um dos envolvidos no crime.

Com a identificação do primeiro criminoso ficou mais fácil chegar aos outros dois assaltantes. Além do trio, a polícia descobriu que Elza Áurea de Maria Pereira Silva, 42 anos, era responsável por ceder a casa para que os assaltantes pudessem se reunir e planejar o crime.

Ao identificar os quatro integrantes da quadrilha, o delegado Hebert Renan Silva, de São Miguel do Guamá, solicitou a prisão preventiva dos acusados, que foi decretada na última quinta-feira. Por volta das 14h do mesmo dia, os policiais foram até a casa dos acusados e conseguiram prender três: Elza Áurea Pereira, Jéferson Lima Monteiro, 23 anos e Pedro Garcia de Oliveira, 27 anos. O outro acusado, conseguiu fugir.

Segundo o delegado Hebert, há mais pessoas envolvidas no crime. “O bando possui seis pessoas, falta identificar duas. Vamos continuar o trabalho de investigação para prender os demais”, disse o delegado.
A acusada foi encaminhada para o Centro de Recuperação Feminino (CRF), em Ananindeua, já os dois acusados, foram levados para o Centro de Recuperação de Paragominas.

O CRIME

Eram 11h30 do dia 24 de maio deste ano, quando três homens foram até a agência dos correios de São Miguel do Guamá. Dois criminosos entraram e renderam os funcionários, já o outro assaltante ficou na porta do estabelecimento. Quando a dupla conseguiu pegar o dinheiro, os três fugiram em apenas uma moto, com destino  ao município de Irituia. A polícia militar do local foi acionada e ainda fez buscas aos criminosos, mas não obteve sucesso. Os bandidos fugiram com mais de R$ 14 mil. (Diário do Pará).

sábado, 18 de setembro de 2010

Seminfra construirá nova ponte


Ascom/PMP
A Prefeitura de Paragominas, por meio da Secretaria Municipal de Infra-Estrutura (Seminfra) iniciou, no dia 13 desse mês, as obras de construção da nova ponte sobre o rio Uraim, na Av. Tamandaré. A ponte substituirá a antiga de madeira, que existe desde a abertura da estrada Belém-Brasília, na década de 1970, e beneficiará uma grande parcela da população que mora no bairro JK e adjacências, bem como pessoas e carros que precisam transitar pelo local.

Segundo o secretário da Seminfra, Manuel Dias, a nova ponte será mais larga e um pouco mais alta que a antiga de madeira. “A ponte terá 36 metros por 10,85 de largura. Além disso, ela será 80 centímetros mais alta”, diz o secretário.

A ponte será de concreto armado e terá um espaço de 2 metros de largura para o tráfego de pedestres, que será separado por um guarda rota para proteção contra veículos. Além disso, também haverá um guarda corpo para prevenir que pedestres sofram possíveis quedas da ponte.

Durante o período da obra, que será de cerca de 90 dias, uma passarela provisória (com o nome técnico de “ponte branca”) será erguida para a passagem somente de pedestres. O transito será desviado para duas vias. Para veículos pesados como caminhões ou ônibus, a via ideal de acesso é a estrada do Pólo Moveleiro, já para os demais veículos o desvio será feito pela ponte próximo a Fripago. “É importante que as pessoas entendam que o desvio é necessário para que a obra seja executada com mais rapidez”, diz o secretário.

Segundo o prefeito de Paragominas, Adnan Demachki, a ponte sobre o rio Uraim vem somar o trabalho feito em outros pontos da cidade, com pontes novas e de concreto, destacando-se: ponte da entrada da Cidade, Rodovia dos Pioneiros, Rua Belos Campos, Av. Tropical e, agora, a ponte sobre o Rio Uraim.

“Essa ponte sobre o rio Uraim beneficiará o pólo moveleiro, com o trânsito de mercadorias, pessoas que trabalham em fazendas na PA-125 e principalmente os moradores do bairro J.K, que transitam diariamente pela via”, afirma Demachki. “É uma grande conquista da população e que vamos tornar realidade ainda este ano. Além disso, vamos fazer também novas cabeceiras da ponte levantando o leito da estrada”, completa o prefeito.

“Sem dúvida é uma obra que beneficiará não só as pessoas que transitam por ali como toda a população de Paragominas”, finaliza Manuel Dias.

Lucas Eugênio / Ascom

Homem morre esfaqueado pelo rival em Paragominas


Foto: Bruno Nascimento
Na madrugada de sexta-feira, em Paragominas, região nordeste do Pará, um homem conhecido como “Pitbull” foi executado por seu rival com duas facadas no peito.

João Pereira de Souza estava comemorando com amigos em uma seresta realizada no bairro Nagibão, distrito de Paragominas, às margens da rodovia Belém-Brasília (BR-010).

Ele estava bebendo com amigos ao lado da namorada, e decidiu cochilar uns minutos para passar a embriaguez. Seu rival, Robson do Socorro Passos de Abreu, 20 anos, aproveitou o descuido e desferiu dois golpes de faca certeiros contra ele. A vítima saiu correndo em meio à multidão alí presente. Amigos ainda tentaram socorrê-la, mas a caminho do Pronto-Socorro Municipal ele não resistiu e morreu.

A rivalidade entre os dois é antiga. Segundo a mãe do acusado, Maria do Socorro Mendonça Passos, “Pitbull” teria executado seu filho, Josivaldo dos Passos Abreu, em 2005, com vários tiros à queima-roupa. Segundo ela, a vítima sempre mandava recados por terceiros dizendo que iria fazer a mesma coisa que fez com seu irmão. “Talvez esse seria o motivo que meu filho fez isso. Medo!”, disse a mãe do acusado.

Ainda pela madrugada, os investigadores Manoel Cristiano e Augusto Sérgio fizeram buscas naquele local, mas não conseguiram capturar o acusado.

O caso foi registrado na 13ª Seccional de Paragominas, onde o delegado Raimundo Xavier de Souza abriu um inquérito e pediu a preventiva contra o acusado. (Diário do Pará)

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Homem morre em motel após tomar Viagra


O maranhense Tumaz de Aquino Fontes, 60 anos, morreu anteontem no começo da tarde, no apartamento 5, do motel “Chamego”, localizado na rua José Marcelino de Oliveira, centro de Ananindeua.

Ele se fazia acompanhar de uma mulher, sua conhecida, e para aumentar a sua eficiência sexual tomou dois comprimidos do estimulante “Viagra”.

Minutos após ingerir o produto ele se sentiu mal, conforme contou sua acompanhante, na Seccional de Ananindeua, e desmaiou. Socorrido por ela, morreu em seus braços.

Aos gritos, a mulher ainda pediu socorro para os funcionários do motel, sendo que um deles tentou fazer massagem no tórax e até respiração boca a boca em Tumaz, porém o ataque que sofrera, causou-lhe a morte imediata.

Assim, restou aos funcionários do motel, e mais a acompanhante do maranhense, comparecerem na seccional, para pedirem as providências de praxe.

O plantão da Seccional de Ananindeua apurou que Tumaz morava no Maranhão, e vinha constantemente em Belém, tratar de assuntos comerciais. Em Ananindeua, ele mantinha há mais de dez anos, um namoro com a mulher que o acompanhava na hora da morte.

A direção do motel solicitou à seccional, que houvesse discrição com o caso, e que a imprensa não fosse informada.

Assim, a remoção do corpo foi efetuada sob sigilo, e, somente na manhã de ontem é que o caso vazou para a reportagem do DIÁRIO.

No final da manhã de ontem, o corpo foi liberado para familiares de Tumaz, vindos do Maranhão, e que providenciaram o traslado dele para o estado vizinho, onde ficou de ser sepultado hoje de manhã.

A mulher que acompanhava Tumaz, foi ouvida em depoimento pelo plantão da seccional e logo liberada. (Diário do Pará).

Saúde recebe equipamentos em Paragominas

Foto: Bruno Nascimento
Na última quinta-feira, foram entregues vários equipamentos que serão distribuídos nos Postos de Saúde da Família (PSF) em Paragominas, região nordeste do Pará.

A cerimônia de entrega aconteceu no auditório da Prefeitura de Paragominas. Com a presença de vários presidentes de bairros, representantes da sociedade civil organizada, Conselho Municipal de Saúde, além de Adnan Demackhi, Prefeito de Paragominas.

Ao todo foram mais 15 computadores; geladeiras; centrais de ar; macas; balanças; fogões; aparelhos para medições de pressão e bebedouros. Os equipamentos serão distribuidos para os 11 Postos de Saúde da Família que atuam no município. Uma novidade será  informatização das entregas de medicamentos na rede pública da cidade para ter maior controle. Para isso, toda unidade de saúde terá um ponto de internet que farão ligação de todos os Postos de Saúde. Os equipamentos foram adquiridos com recursos próprios de Paragominas, através do Fundo Municipal de Saúde (FMS).

A saúde deveria ser levada a sério. Vejamos o exemplo da educação. Além de ter verbas específicas, ainda tem o Fundeb para melhorias na educação básica”, disse Adnan Demackhi, prefeito de Paragominas.

O Posto de Saúde do distrito Nagibão, que atende os bairros Nagibão I, II, III e IV será totalmente renovados com equipamentos novos para melhores atendimentos futuros.

A cidade conta com 11 postos de saúde, nove méditos lotados em unidades de saúde, um hospital público, um pronto-socorro e três particulares. Além de várias clínicas.

Bruno Nascimento, de Paragominas.

Dia do caminhoneiro é comemorado em Paragominas

Foto: Bruno Nascimento
Em comemoração ao dia do caminhoneiro, vários motoristas fizeram uma programação de comemoração pelo dia, em Paragominas, região nordeste do Pará.

A cerimônia aconteceu no distrito do Km 12, às margens da Rodovia Belém-Brasília (BR-010). Representantes da sociedade civil organizada também prestigiaram o evento.

Durante a programação a Polícia Rodoviária Federal, ministrou palestras sobre o teste do bafômetro, além da “Patrulha Cidadã”, visando ações de enfrentamento à exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e Tráfico Humano. “Hoje a PRF é parceira dos caminhoneiros na prevenção de acidentes, até mesmo evitando roubar suas cargas”, disse Ruy Guimarães, agente da PRF.

O evento foi promovido peça Federação dos Caminhoneiros Autônomos (Fenacam) e Sindicato dos Transportes Rodoviários Autônomos de Bens no Estado Pará (Sindicam – PA). O 1º Sub-Grupamento de Bombeiros Militar de Paragominas, estiveram presentes no sentido de orientar sobre prevenção de acidentes.

Paragominas foi escolhida por ser parceira do programa “Despoluir”. Promovido pela Fanacam, além de ser a primeira cidade a sair da lista de desmatamento do Brasil, por ser considerado município verde do país. O programa “Despoluir” mede o grau de poluição de cada veículo, se estiver acima do limite, a instituição apresenta soluções a serem seguidas pelo caminhoneiro, então é emitido um selo verde de caminhão não poluidor do meio ambiente. Válido em todo Brasil.

Para o presidente Eurico Tadeu dos Santos, o dia do caminhoneiro é um dia especial “é o caminhoneiro que leva o desenvolvimento do país. Se estivessem todos em Paragominas, hoje, o Brasil tinha parado”, disse Eurico.

Personalidades foram homenageadas como o promotor público, prefeito de Paragominas, além de outros caminhoneiros com troféu de ouro caminhoneiro.

(Bruno Nascimento, de Paragominas / Diário do Pará).

Siga o ParagoNews

Minha lista de blogs