quarta-feira, 9 de março de 2016

Familiares de pacientes do HRPL são alvos de estelionatário em Paragominas

A direção do Hospital Regional Público do Leste (HRPL), em Paragominas, no nordeste do Estado, alerta à população em geral sobre a ação de estelionatário que está fazendo ligação telefônica para familiares de pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto, do hospital para cobrar pagamento por procedimentos, medicamentos e/ou realização de exames complementares, que o Sistema Único de Saúde (SUS) não cobriria. Isso não procede. É golpe e deve ser comunicado imediatamente à direção do hospital e na delegacia de Polícia da cidade.

Das quatro famílias identificadas, três delas pagaram pelo “serviço”. Ao procurar a direção do HRPL para esclarecimentos, uma delas deixou de pagar a quantia de R$ 1.400 “por uma bateria de exames” necessária para realização de cirurgia do parente internado. Desconfiados, membros da família decidiram procurar a direção do hospital para questionamentos sobre a cobrança indevida, tendo em vista que se trata de um hospital do SUS.

As vítimas do golpe recebem ligação de um suposto médico do hospital que identifica-se como “dr. Augusto Nonato Xavier”, que faz ligação de uma cidade com código 65. Com muita lábia, ao tentar extorquir dinheiro dos familiares, já fragilizados com o estado de saúde de seus parentes, ele tenta acalmar os alvos do golpe com informações evasivas sobre evolução do quadro de saúde dos pacientes na UTI. Essas vítimas acabam sendo presas fáceis do estelionatário que passa dados de uma conta corrente em nome de Adriele Aparecida Porto.

De acordo com o diretor Executivo do HRPL, Júlio César Garcia, o golpe só veio à tona no final da tarde da terça-feira (8), quando membros de uma família procuraram a direção do HRPL para explicações. Após providenciar o  Boletim de Ocorrrência (BO) na delegacia de Paragominas, Júlio Garcia  ressalta e alerta a população e usuários da assistência prestada pelo hospital naquela região, que é ilegal qualquer tipo de cobrança por serviços, medicamentos ou procedimentos.

“Qualquer dúvida nesse sentido, os usuários e ou familiares devem nos procurar imediatamente para maiores esclarecimentos. Infelizmente ainda têm pessoas que se aproveitam da fragilidade de pessoas com parentes enfermos para tirar proveito. Fiquem atentos. Hospital do SUS não cobra pagamento de seus usuários. Isso não procede.Não existe”, acentuou, informando que infelizmente três famílias caíram no golpe e depositaram a quantia pedida pelo estelionatário.

Outras providências internas do hospital já estão sendo tomadas para alertar colaboradores e usuários sobre a tentativa de golpe, entre elas, o registro de todos os contatos para informar corretamente todas as famílias em face do problema. “Já alertamos as chefia e telefonistas para que orientem todos os colaboradores quanto ao recebimento de ligações julgadas suspeitas”, comentou.

Serviço: O Hospital Regional do Leste fica na Rua Adelaide Bernardes, s/n, no bairro Nova Conquista, em Paragominas. Informações pelos telefones (91) 3739-1046 / 3739-1253 / 3739-1102.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga o ParagoNews

Minha lista de blogs